Home / Contos / Perspectiva do Matheus – Capítulo 26 – Desejos de Colégio

Perspectiva do Matheus – Capítulo 26 – Desejos de Colégio

Eu cheguei tonto na casa de Rodrigo, minhas mãos estavam sujas de sangue e tremendo. Ele perguntava o que tinha acontecido mas eu não conseguia mais formar palavras. Acho que finalmente tinha entrado em choque e não conseguia entender o que acontecia. Caí para frente mas Rodrigo conseguiu me segurar. “Vai ficar tudo bem” ele disse me segurando. Foi a última coisa que vi antes de desmaiar.

Quando acordei estava com outra roupa. Meu joelho estava envolvido com uma faixa. Fui tateando meu rosto até onde deveria ter um corte acima da minha sobrancelha direita mas senti um curativo. Quando abri os olhos lá estavam eles. Rodrigo e Bernardo me olhando. Assim que comecei a falar alguma coisa Bernardo me abraçou muito forte. Seu cheiro era tão familiar mas ao mesmo tempo tão novo. Era bom senti-lo perto. Meus sentimentos por ele nunca mudaram no fim das contas. Abri os olhos e Rodrigo nos observava, o que a cara dele dizia? Não conseguia decifrar.

Matheus: Obrigado, mesmo. -Falei olhando pra ele.

Bernardo me soltou e sentou do meu lado colocando minhas pernas em seu colo. Rodrigo pegou uma cadeira e sentou na nossa frente.

Rodrigo: Agora conta pra gente o que que aconteceu…

Matheus: Quanto tempo eu dormi?

Rodrigo: Você desmaiou Matheus, foi bem mais sério…

Bernardo: Foi uns 10 minutos, eu acho, cheguei faz pouco. Meu celular ficou sem bateria mas Rodrigo conseguiu me ligar no de casa.. Vim correndo.. quer falar sobre o que aconteceu? Estamos preocupados.

Matheus: Esse último mês foi bem difícil, depois do vídeo… daquele vídeo… o Nicolas sentiu que algo estava estranho e nós três perdemos contato depois que não achamos Guilherme e eu acho que eu estava infeliz… Com tudo.. Com meu namoro, com minhas opções de curso.. Eu não sei para onde vai minha vida.

Bernardo ficou com uma cara de espanto e me olhou nos olhos. Entendi o que ele tinha concluído.

Matheus: Não não, eu não fiz isso comigo mesmo. Eu estava infeliz, mas não a esse ponto. Esse último mês foi horrível, mas o pior dele tá sendo o Nicolas… Tivemos uma briga horrível, pior que todas as outras e ele estava cozinhando.. acabou se irritando e fez isso na minha testa. Não foi por querer mas aconteceu.. Eu fiquei irritado e comecei a ir para a saída da casa dele gritando, foi quando ele empurrou uma estante e ela acabou caindo na minha perna…

Os dois não tiveram reações em seus rostos por alguns minutos, tentei explicar melhor o que aconteceu mas eles não paravam de me olhar. Então Rodrigo levantou e falou:

– Onde está aquele desgraçado?

Olhei para Bernardo que estava com uma cara assustada. Falei para os dois se acalmarem e que estava tudo bem, que eu não queria alarmar nenhum deles e que eu resolveria as coisas com Nicolas, que eu só queria um tempo pra pensar.

Bernardo: Não tem o que pensar Matheus, olha onde isso foi parar…

Perguntei para Rodrigo se poderia tomar um banho, ele e Bernardo me levaram até o banheiro.

Matheus: Eu consigo me virar aqui, gente, tá tudo bem.

Entrei no banho e deixei a água quente escorrer pelo meu rosto. Longe, eu escutava as vozes de Bernardo e Rodrigo.

Rodrigo: Eu acho que deveríamos fazer algo…

Bernardo: Eu queria, Rodrigo, mesmo, mas acho que é algo que só o Matheus pode resolver… Eu não sabia que as coisas estavam mal entre eles, ou se o Nicolas virou um babaca do nada.. tipo o Henri…

Rodrigo: Isso me lembra daquele dia também. Não queria falar pra não te chatear, mas se ele tivesse te encostado…

Bernardo: Não encostou… tá tudo bem.

O que estava acontecendo? Não entendi direito mas parece que Henrique tentou algo contra o Bernardo. Entendi a raiva de Rodrigo por ele. Minha mão chegou a fechar em forma de punho e isso que não sou de brigar.

Sai do box com a toalha e percebi que minhas roupas estavam sujas de sangue. Sai do banheiro enrolado nela e achei Rodrigo e Bernardo sentados no sofá, Rodrigo de mãos com Bernardo, acariciando-a. Não entendi o que senti na hora, mas voltei uns passos para trás e quando comecei a andar ~capengar~ pra frente fui falando “Você tem alguma roupa pra me emprestar?” e abri a porta. Rodrigo já estava de pé e Bernardo me olhava com aqueles olhos profundos e preocupados.

O TÉRMINO

Bernardo avisou que seu celular estava carregado e que poderia chamar ou ir para sua casa quando quisesse me abraçou e me desejou boa sorte. Deu um abraço em Rodrigo e foi para casa. Rodrigo chamou um táxi e me ajudou a descer as escadas do apartamento. Na frente do prédio ele parou e me olhou.

Rodrigo: Você tem mais 7 dias para se inscrever no vestibular Matheus. Não deixa que os problemas de agora tirem chances de um futuro ótimo por vir. Se você não conseguir se decidir entre cursos, pelo menos escolhe 1 área que quer seguir e sorteia algum, pode trocar mais tarde.

Eu tinha esquecido de novo disso. O táxi chegou e fiz que sim com a cabeça para Rodrigo. Entrei no táxi e falei meu endereço.

Rodrigo: Se precisar liga…

Matheus: Obrigado, por tudo, mas vai dar tudo certo. Liga pra ele Rodrigo, ele ainda gosta de você.

Rodrigo: oi?

E então o táxi partiu. Eu estava me referindo ao Bernardo, eles foram feitos para dar certo, não sei como fui me meter no meio um dia. Ele iria entender alguma hora. O taxista pediu um endereço e dei o de Nicolas, tinha coisas para resolver.

Quando estava chegando na casa de Nicolas paguei o taxista e desci. Quando saí do táxi vi uma pessoa familiar no outro lado da rua, mas ignorei, estava focado em terminar esse namoro. Apertei o interfone e esperei que ele respondesse.

Nicolas: Quem?

Matheus: Eu.

Nicolas: … hm… vou abrir.

Subi pelo elevador e as próximas 3h foram de muita discussão. Cada palavra que Nicolas falava eu notava que ele era mais louco do que nas anteriores. Ele em nenhum momento pediu desculpas pelo incidente que tivemos mais cedo. Terminei com ele de vez, falei que não dava mais. No fim do término ele estava gritando:

Nicolas: VOCÊ VAI ACABAR SOZINHO, SABIA? O RODRIGO VAI OBVIAMENTE FICAR COM O BERNARDO E VOCÊ VAI FICAR SOZINHO. SEM MIM VOCÊ FICA SOZINHO.

Matheus: Melhor sozinho do que com você.

Ele estava fora de si. Peguei tudo que tinha de meu naquele apartamento, tudo que eu consegui jogar em uma das malas que eram minhas e saí pela porta.

Nicolas: E O RESTO DAS SUAS COISAS?

Matheus: Fica com elas Nicolas, fica. Eu mando as suas pelo correio. Agora me esquece.

Desci pelo elevador com a mochila e chamei um táxi. Quando ele estava virando a esquina e vindo em direção a mim a luz do farol me deixou um pouco tonto. Eu carregando essa mala, meu machucado na testa ardendo, a dor da perna… Estava tudo muito forte. Nessa hora alguém passou por mim e deixou cair algo no chão. Não vi quem era mas estava correndo muito rápido. Falei alto “EI, DEIXOU CAIR SEU… PEN DRIVE?” Tentei ir atrás mas não adiantou muito, minha perna doía demais. O táxi chegou e abri a porta, quando ia largar o pen drive no chão de novo vi uma etiqueta, nela dizia “Matheus, você precisa ver isso”.

Então era pra mim aquilo. Dessa vez foi pra mim que veio um vídeo. Se eu tivesse visto quem era. Tentei lembrar de algum traço mas só conseguia lembrar de moletom de corrida.

O ÚLTIMO VÍDEO

Escrevi uma mensagem para Rodrigo e Bernardo falando que alguém me entregou um pen drive com um vídeo, mas não enviei. Pensei duas vezes e achei melhor ver antes. Não sabia o que esperar.

Ele começou a tocar e era uma sala do colégio onde tinham as monitorias. Nela entraram Rodrigo, com Bernardo, e trancou a porta. “Só quero privacidade contigo” Rodrigo disse.

Depois disso ele falou várias coisas, isso aconteceu anos atrás, mas Rodrigo falou uma coisa que mexeu bem fundo em mim, ele disse “Aquele dia.. sabe? De nós três? Que eu você e Matheus tivemos algo, foi um erro… Não deveria ter acontecido..”

Bernardo parecia meio incerto do que queria mas foi Rodrigo chegar mais perto que eles se beijaram. Eu não sei se queria olhar o resto, mas não conseguia desligar. Rodrigo passava a mão pelo corpo de Bernardo e aquilo me deixava com uma mistura de emoções. Seriam ciúmes? Seria pois queria estar ali junto? Eu não sabia o que sentia. Rodrigo então falou “Por ti, eu faço qualquer coisa, era isso que queria te falar e mostrar hoje”. Então ele tirou a camiseta e a calça.

Ver Rodrigo, mesmo por vídeo, só de cueca… Mesmo que fosse de costas, era um tesão absoluto. Nos dois contatos que eu tive com ele foram tão curtos. Então ele disse “Eu quero que confie em mim, quero confiar em ti. Eu quero te dar.”

Meu pau subiu em 1 segundo para um nível extremo de dureza. Bernardo é um tesão comendo e a vontade de ver Rodrigo dando foi aumentando em mim a cada segundo do vídeo que passava. Eles se beijando, Bernardo tirando a cueca de Rodrigo e mostrando uma bunda perfeita. Bernardo o colocou de 4 no sofá e começou a lamber sua bunda. Dava para ver o prazer de Rodrigo quando ele se virava para trás e por seus gemidos.

Ver Bernardo colocar o pau no cu de Rodrigo foi o bastante. Tirei meu pau pra fora e comecei a bater. Rodrigo gemia muito mas ao mesmo tempo segurava em Bernardo para ele não sair. Quando pareceu entrar todos eles ficaram um tempo sem se mover. Bernardo fez um sinal de que iria tirar mas Rodrigo o puxou, daquele jeito macho que ele tem. Que tesão eu estava sentindo, meu pau estava muito babado.

“Me come Bernardo” ele disse e foi o bastante, ele comeu Rodrigo de quatro e depois sentou no pau de Bernardo com ele deitado no sofá. Ver Rodrigo cavalgando e rebolando naquele pau e a cara de prazer de Bernardo era demais. Os gemidos dos dois, que saudade que eu estava. Estava quase gozando quando olhei pro vídeo e vi que Rodrigo gozou sem nem tocar em seu pau com uma cara de prazer. Gozei junto com ele praticamente e logo depois deu pra ver que Bernardo gozou dentro dele também, pela cara de prazer que eu conhecia e sentia tanta falta.

DECISÕES

Me limpei e mandei mensagem para os dois falando que amanhã sem falta tinha que conversar com ambos. Me limpei e fui ler os panfletos que Rodrigo me deu de faculdades. Abri os sites na internet e passei horas lendo. Finalmente fiz minha inscrição em 8 universidades na mesma área, decidi pelo curso de Arquitetura e Urbanismo. Fui durmir mais feliz que nos outros dias, mas ainda com Bernardo e Rodrigo na cabeça e principalmente onde a pessoa que tem esses vídeos conseguiu eles e por qual motivo ela está mandando para pessoas específicas? Essa história de invadir nossa privacidade tinha que ter um fim.

About gayson

Check Also

Confusões no Colegial – Capítulo 10 – Gripe

−Perfeitos. Simplesmente perfeitos (suspiros). Aqueles abdomens malhados, braços musculosos e os bumbunzinhos… (mordisca os lábios …

5 comments

  1. Agora quero que os tres fiquem juntos, tipo dona flor e seus dois maridos…Ta muito massa. Pense com carinho por favor

  2. Ñ GENTE QUEM É ESSE “- A” QUE ESTA EM TODO LUGAR GRAVANDO TUDO ?

  3. Pra mim é o desgraçado do guilherme que ta com esses videos.

  4. Pelo que o Matheus falou do moletom deve ser o recalcado do guilherme

  5. No meu ponto de vista, acho que os três terminarão juntos e que quem vazou os vídeos foi o Guilherme é o Nicolas devido a ele ter passado 3 horas no apartamento e a pessoa que entregou o Pen drive já estava lá fora e esperou ele sair… não sei se verificaram, mas ele disse que um dos traços era o moleton de corrida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *